Já ouviu falar em Single Page Aplication?

As SPA’s ou Single Page Aplication (Aplicações de Página Única em tradução livre), são basicamente uma forma de você codificar menos no back end e mais no front end, mas como isso? A aplicação estará quase toda no lado do cliente, sendo que assim que o usuário acessar o site a aplicação é armazenada toda no lado do cliente, diferente da forma tradicional.

O SPA roda em uma única página, se assemelhando a um aplicativo desktop ou um mobile(podem ser leigamente chamadas de “páginas ajax”), a navegação na aplicação acontece toda em uma única página e todo o conteúdo é carregado de uma vez ou obtido dinâmicamente (ou seja, via requisições Ajax).

 

  • Melhor experiência do usuário:

O usuário tem uma experiência melhor navegando no sistema, dando a impressão até de que é um sistema desktop, já que não possui refreshs na página. Dependendo do sistema ele é capaz de funcionar mesmo se o usuário perder a conexão com a Internet.

  • Performance:

O sistema fica muito mais performático, por que ele carrega o sistema completo na primeira requisição de forma assíncrona que permite o usuário já consumir o  conteúdo sem esperar que tudo seja carregado por completo e as requisições seguintes são responsáveis por trafegar apenas os dados brutos entre o cliente e o servidor, normalmente no formato JSON.

  • Facilidade de manutenção:

Quando trabalhamos com SPA deixamos  muito bem separado as partes do que é front-end e o que é back-end, já que todo o back costuma estar em uma API, assim podemos fazer mudanças em back sem precisar mexer em nada de front e vice versa.

 

E ai você já conhecia as SPA’s? Caso nunca tenha testado esta tecnologia, comece criando um novo projeto para entender e assimilar melhor como funciona. 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.